sábado, 7 de fevereiro de 2009

Governo cria novo imposto para ajudar Portugal a sair da crise

Mas, paradoxalmente, dá origem a outra crise, colocando em causa a antiguidade do sagrado matrimónio.
Passamos a explicar: Teixeira dos Santos decidiu que deveria igualmente tributar aqueles que se encontravam casados há uma série valente de anos e comemoravam as chamadas bodas de prata, de ouro ou de diamante.
Assim, criando um regime específico de tributação para cada uma daquelas classes, que vai subindo em função da antiguidade do casamento, já transmitiu instruções a todos os serviços da Administração Fiscal para cobrarem, de acordo com as respectivas taxas, a todos os contribuintes que se encontrem nessas condições, o novíssimo Imposto sobre o Rendimento dos Realmente Amarrados (vulgarmente conhecido pela sigla IRRA).
E explicou à villa mais esta brilhante medida tomada pelo Governo de uma forma eficaz: "Sabe, é uma questão de justiça. Os tipos que vendem metais preciosos têm de pagar imposto ao Governo. Ora, todos sabem que a prata, o ouro e o diamante têm um enorme valor. Se eles chegam até eles, devem declará-lo e sofrer o ónus desse acontecimento. Não acha justo?"
O que vale é que eu não tive de lhe dizer o que eu achava, pois seria provável que ele ficasse com umas marcas, que não seriam da contrastaria ou da Imprensa Nacional Casa da Moeda.
Hic Hic Hurra

6 comentários:

Ana disse...

O Dr. Teixeira dos Santos talvez tenha uma bela surpresa quando constatar que os mais "resistentes" irão lembrar-se do que se passa com os combustíveis e, naturalmente, decidirão ir até Espanha, onde poderão comprar os anéis por um preço bem mais em conta...

À sua!

Ticha disse...

Vizinho,
Não lhes dê ideias, olhe que ainda pega.

atrevidote disse...

É talvez por isso que os nossos homens sexuais já hesitam em casar com receio do desgaste da anilha...

Ze_Cuscopos disse...

Cara vizinha Ana,

Esperemos que sim, esperemos que sim!

Se há pessoa a quem eu desejo muitas surpresas, e nenhuma delas boa, é a esse Senhor!

À nossa!!!

Hic Hic Hurra

Ze_Cuscopos disse...

Cara vizinha Ticha,

Acha que eles consultam este modesto blogue?

Fogo!!!

Nero, pá, toma lá um maçarico e reduz esta coisa a cinzas!!!

Hic Hic Hurra

Ze_Cuscopos disse...

Caro atrevidote,

Quiçá, quiçá...

O desgaste da anilha é pior que a quebra da bilha, já lá dizia o Bocage.

Se não dizia, não faz mal, passou a dizer...

Hic Hic Hurra